quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Todos estão errados




Posso agora encher minha boca para falar...


Depois de manifestações ao longo da semana passada e desde o início desta semana na capital federal o ápice foi atingido.


Ontem, foram manifestantes as ruas pedir pelo fim da corrupção e pela saída do Governador do DF José Roberto Arruda.
Exatamente a combinação que não pode ocorrer ocorreu...


Como antes a Câmara Legislativa do Distrito Federal fora anteriormente invadida por animais (não chamo de "manifestantes", estes que ferem um segurança da câmara e destroem o patrimônio público que eles pagaram para construir e vão pagar para consertar).


Agora em frente ao Palácio do Buriti (que não é mais a sede administrativa do governo e nem é de onde Arruda está despachando), "o povo" se aglomerou para pedir o fim da corrupção e um forte esquema policial foi montado para garantir a segurança.


Mas quando se mistura população efervescente e Polícia Militar, ao menos no Brasil, você está colocando pólvora do lado do fogo, a pressão é grande e a tensão tamanha que alguém acaba cometendo o primeiro erro e daí temos o caos armado.





Não estou defendendo e nem quero defender político algum, ninguém que está envolvido aí recebeu meu voto nessas eleições e mesmo que o tivesse recebido eu seria consciente o bastante para criticar e aprender que "nesse eu não voto mais"!


O FATO, ao menos para mim, é que estas "arruaças" não são manifestações... E são sim em sua maioria um bando (exatamente, BANDO) de estudantes que não querem assistir aulas, não querem fazer nada e vão as ruas e se encontram com outro bando de desocupados que reclamam de tudo e de todos, mas não buscam fazer nada de construtivo e produtivo para mudar nada.


Faixas pedindo o "voto nulo", que beleza de sugestão não?
Interdição do trânsito da cidade, impedindo a locomoção de pessoas que não tem absolutamente relação alguma com essa confusão, que maravilha não?


Mas aí vemos que a ação da polícia é violenta e fere manifestantes...
Mas o que falaram do segurança da CLDF que foi agredido e ficou desacordado?
O que se fala do patrimônio público destruído? O qual nós vamos pagar e o pior, provavelmente será superfaturado...


O QUE SE FALA DO ERRO DA MASSA?!?!


É exatamente o mesmo caso de quando um bandido mata um policial...
Pouco se fala e a notícia é abafada...
Agora quando se mata um bandido?? Aí o mundo acaba!
Comissão de direitos humanos, é policial respondendo processo, é a polícia violenta e é a polícia cruel...


MAS QUE MERDA!
É A POLÍCIA CUMPRINDO O SEU DEVER!


Uma certa vez eu ouvi a namorada de um amigo, cujos parentes são policiais, comentar algo do tipo (não me recordo palavras precisas):
"Como você quer que a polícia aborde alguém? Pedindo "licença" ou "por favor", e nesse meio tempo se é um bandido armado o cara é fuzilado?
Claro que o policial tem que saber lidar e tratar com o cidadão, mas ele tem que cumprir com o seu dever."


O Brasil vive um mito em cima do movimento estudantil, um mito que mídia tenta sustentar, mas que a própria população já nem sequer acredita mais! Esse é um movimento falido!
Sem capacidade alguma de nada que não seja a bagunça e a desordem, e eu enquanto estudante sinto PROFUNDA VERGONHA!


Estes manifestantes de ontem e de hoje, daqui à alguns anos quando questionados sobre o que faziam em suas "manifestações" não vão nem sequer lembrar por que lutaram, por que brigaram, por que diabos estavam na confusão...
EXATAMENTE como foi com o movimento dos caras pintadas, assim como foram com alguns daqueles que viveram a ditadura...


MEU DEUS!!! OS QUE BRIGARAM CONTRA O REGIME NA DITADURA!!!
Se nem esses seguem aquilo que diziam naquele tempo e se muitos desses já nem lembram direito pelo que brigaram...
OU PIOR!
Se esses que lutaram e brigaram por algo e depois que conseguiram não souberam e nem sabem ainda o que fazer com esse algo...





O brasileiro é um povo carente de saber como se manifestar, como buscar por um objetivo.
Não é indo paras as ruas como uma massa disforme, burra, ignorante, formada por um bando mentes pouco capazes de real organização...
Assim só se vai para as ruas para se causar tumulto... Os "fins pacíficos" são somente a capa para cobrir a grande vontade de criar desordem.


BRIGUEM POR UMA POLÍTICA MAIS JUSTA, MAS BRIGUEM POR ISSO VOTANDO MELHOR, E EXIGINDO PUNIÇÃO...
EXIGINDO PUNIÇÃO À QUEM DEVE PUNIR!
À JUSTIÇA!


No final... Momentos como ontem e hoje na capital federal só demonstram no final que:
Manisfestantes estão errados...
Policiais estão errados...
Políticos estão errados...
A mídia está errada...

E a JUSTIÇA está muito errada...

Um comentário:

Rafael disse...

Mas é verdade mesmo, se quer fazer manifestação que não de tantos motivos pra estar errado. Apesar que da vontade de fazer uma manifestação armada e furar a cara desse bando de politico...