domingo, 29 de novembro de 2009

2012 - O Filme


Lá me fui hoje para um programa cinematográfico.

Bem, ficou na cara que eu (pretendo) vou compartilhas minhas experiências de cinema agora com o "mundo" (e o imundo) através do meu fantástico e muito visitado blog! (bollocks!)

Enfim depois de conhecer o "Fran's Café" (nem sei se é assim que se escreve), lugar extremamente bem arrumado no início da asa norte (não sei se aquilo já é setor comercial, mas enfim), agradável com boa música ambiente e um cardápio da melhor qualidade!

Bom atendimento, bom café, boa comida, bom lugar, nota 10! Recomendo, porém fora de dia de semana (o local deve ser muito movimentado).

Então parti em minha jornada para o Pier 21 com um amigo, para desbravar o mar de pirralhos, playboy's e pirigas high society (ou metidas à high society) para conseguir assistir um filme em uma sala de cinema razoável.

Conseguimos após uma fila enorme o ingresso (já tinha rolado fila para o estacionamento e depois uma puta fila para o ingresso), depois de uma enrolada básica na Leitura nós rumamos para o "fim do mundo".

Vamos ao filme...
Ele é... Bom... Nada mais e nada menos... Não percebi em momento nenhum uma tentativa de fugir dos clichês de filmes do tipo "Doomsday", aliás o filme vive disso...

Resumindo bem:
A trama é boa, com embasamento científico possível porém altamente questionável (estou falando somente sobre os fatos científicos do filme), mas é Hollywood, portanto... Dane-se! Show me the money!
O filme é bem longo, porém dá para se assistir sem sentir muito o peso do tempo, porém dá para sentir quando o filme passa da metade que as coisas ainda vão demorar um pouco para se "desenrolarem", mas tem muita ação e muitos "chutes".
CHUTES - esse merece um tópico especial, eu chamo de chutes as jogadas impossíveis, típicas cenas de 007 por exemplo. O 2012 é CHEIO de chutes, mas CHEIO mesmo! Diria até que a porra do filme vive dos CHUTES!

Resumo final da ópera: bom, mas podia ser melhor.
Eu acho que tinha um tempinho desde o último filme em estilo "Doomsday" então um ponto positivo...
Os efeitos especiais são bem legais e as cenas de ação (putamente mentirosas) são boas também e o filme tentou explorar outros lugares sendo destruídos... Mas para mim falhou (só socou o Rio de Janeiro e ponto e foi o momento que a galera na sala riu!)

Não vou falar demais do filme se não provavelmente começarei a ver muitos defeitos...
É blockbuster e ponto final.

2 comentários:

Rafael disse...

blockbuster total \o/

prox eu vejo é o documentário msm

Luiza disse...

Continue colocando seus posicionamentos quantos aos filmes... quem sabe virar um critico de cinema profissional?hehe.. enfim.. ainda naum assisti ao filme.. mas fiquei curiosa sobre o filme depois do seu comentário.. e para saber dos CHUTES hollywoodianos!hehehhe..
OBS: pirigas high socite
bjoss